04/04/2019

Marcelo Jeneci em parceria com Arnaldo Antunes

O terceiro álbum de Marcelo Jeneci finalmente aponta no horizonte seis anos após a edição do segundo, De graça (2013).

Na sexta-feira, 5 de abril, o cantor, compositor e músico paulistano apresentou Aí sim, primeiro single do disco que começou a alinhavar em 2015 e que efetivamente começou a gravar em julho de 2017.

Música composta por Jeneci em parceria com Arnaldo Antunes, Aí sim foi justamente a primeira faixa do álbum a ser registrada em estúdio.

Jeneci e Arnaldo Antunes já são parceiros em outras composições, tendo feito juntos músicas como Quarto de dormir (2007), Longe (2009, com Betão Aguiar), Envelhecer (2009, com Ortinho), Café com leite de rosas (2010, também com Ortinho) e Borboleta (2011, com adesões de Alice Ruiz e Zélia Duncan), entre outras.

O single Aí sim será lançado simultaneamente com o clipe da música, filmado em locações que remetem às regiões agrestes do Nordeste.

Programado para ser lançado neste primeiro semestre de 2019 pelo selo slap, o terceiro álbum de Jeneci é disco muito aguardado pelo fato de o artista ser um dos grandes compositores brasileiros projetados nestes presentes anos 2010, como mostrou o álbum Feito pra acabar (2010) e como ratificou o já mencionado De graça (2013).

Esperava-se o álbum já há dois ou três anos. Até porque seis anos entre um álbum e outro é intervalo muito grande na era volátil da indústria da música.

 

 

 

Fonte: G1 Mauro Ferreira