13/08/2020

Criadores de 'Avatar' deixam Netflix

Quando a Netflix anunciou uma versão em live-action de Avatar: A Lenda de Aaang, muitos ficaram com pé atrás lembrando das mudanças feitas pela adaptação cinematográfica, mas se tranquilizaram com a presença dos criadores originais Michael DiMartino e Bryan Konietzko. Os dois, no entanto, divulgaram em carta aos fãs nesta quarta-feira (12) que estão pulando fora da produção por causa de diferenças criativas.

Konietzko fez uma longa postagem em suas redes sociais explicando os motivos que levaram à saída da dupla do novo projeto. "Essa foi a mais difícil decisão que eu poderia ter tomado", explicou no começo da carta aos admiradores da série Avatar.

O co-criador explicou que quando a Netflix o chamou com DiMartino para o projeto do live-action, foi alardeado pela empresa que eles respeitariam a visão deles sobre Avatar. Infelizmente isso não foi cumprido, pois Bryan comentou que o ambiente da produção não era dos mais encorajadores.

"Para deixar claro, não era questão de nós não conseguirmos as coisas do jeito que queríamos, Mike e eu somos pessoas colaborativas, não precisamos ter todas as ideias. Se elas fossem alinhadas com o espírito e a integridade de Avatar, aceitaríamos elas com alegria", detalhou Bryan.

Porém, nos últimos tempos eles sentiram que não estavam mais no comando das decisões tomadas para live-action de Avatar. O co-criador encerra a carta torcendo para que as boas pessoas na equipe de Avatar consigam produzir um material que agrade os fãs da animação original e atraia uma nova audiência.

"Continuarei envolvido com o universo Avatar, contando histórias que eu e meu parceiro queremos contar do jeito que queremos contar. Dediquei tempo, energia e talento nesse projeto que me realiza demais", terminou a mensagem de Bryan aos seus seguidores.

Na carta publicada por DiMartino em sua rede social, outras informações foram divulgadas. "Coisas aconteceram. Produções são desafiadoras. Eventos inesperados chegaram. Planos precisaram ser mudados. (...) Tentei ser como um nômade do ar e me adaptar, (...) mas mesmo um nômade do ar sabe quando precisa parar e seguir em frente".

DiAngelo ainda explica que a adaptação da Netflix tem potencial para ser boa e que ele pode até se divertir assistindo, mas que não será o que Byran e ele desejavam para a produção. Assim como Bryan, Mike promete seguir com o universo de Aang e Korra.

Avatar: A Lenda de Aang acompanha as aventuras do protagonista Aang e seus amigos, que juntos precisam derrotar o Senhor do Fogo Ozai e pôr fim à guerra contra a Nação do Fogo para salvar o mundo. Com suas três temporadas iniciais (61 episódios), a série da Nickelodeon se tornou uma das animações mais adoradas da história. Além do sucesso nas telas, o título deu origem a uma série derivada, A Lenda de Korra, uma bem-sucedida HQ e a uma série de graphic novels que continua publicando novas histórias originais.

 

 

 

 

Fonte: Omelete